Os leigos e leigas são “os fiéis batizados, incorporados em Cristo, membros do Povo de Deus, participantes da função sacerdotal, profética e régia de Cristo, que tomam parte no cumprimento da missão de todo o povo cristão, na Igreja e no mundo” (Lumen Gentium, 31). Com esta definição, o Concílio Vaticano II reconheceu o lugar do laicato na Igreja, que compõe o Povo de Deus, juntamente com o Clero e a Vida Religiosa Consagrada. Os três estados de vida revelam múltiplos caminhos de seguimento de Jesus e de pertença à Igreja. Ainda que se relacionem a vocações e ministérios diferentes, trazem em si a mesma dignidade conferida pelo batismo, no qual se funda a vocação fundamental à vida.

Mais recentemente, muitas congregações têm visto crescer o número de leigos e leigas que se identificam com um carisma religioso e o assumem como referência para viver seu discipulado missionário. O Instituto das Religiosas da Instrução Cristã “admite, ao lado das religiosas que o compõem, membros associados no intuito de realizar com eles sua missão segundo sua graça” (Const. Membros Associados, Art. I). Para isso, é necessário reconhecer a vocação específica laical e proporcionar aos leigos e leigas oportunidades de formação, aprofundamento e vivência do carisma.

A VIVÊNCIA LAICAL DO CARISMA DAS RELIGIOSAS DA INSTRUÇÃO CRISTÃ

O Carisma Agatheano nasceu com Madre Agathe e as Religiosas da Instrução Cristã. Sua chegada ao Brasil já contou com a presença de uma leiga e, desde então, muitos leigos e leigas conheceram o Instituto e manifestaram o desejo de vivenciar, em suas vidas e em diferentes lugares, esse jeito de seguir Jesus. Tocados pelo testemunho de vida de Me. Agathe, encontram nela a inspiração para viver o Evangelho, comprometer-se com o Reino e atender os apelos da Igreja nos tempos atuais.

A vivência do carisma confere identidade agatheana à maneira como leigos e leigas vivenciam as três dimensões cristãs fundamentais: a vida comunitária, alimentada na obra educativa, na comunidade eclesial, na participação em grupos laicais e na convivência com as religiosas; a missão desenvolvida junto aos jovens, propiciando-lhes o acesso às riquezas da fé no espaço educativo, na vida eclesial e onde mais haja a necessidade de presença; e a espiritualidade de inspiração inaciana, que inspira “um espírito de fé e obediência, de caridade e de zelo, de abnegação e de simplicidade” e alimenta “o desejo e a vontade de encarnar a face do Cristo educador, assumindo com o máximo de solicitude e amor os interesses dos pobres”. No seu conjunto, as três dimensões sintetizam o convite para religiosas, leigos e leigas seguirem Jesus dentro do carisma de Madre Agathe.

O protagonismo laical resulta da consciência de um chamado vocacional e das oportunidades de formação, vivência e compromisso dentro do carisma específico. A inspiração dos leigos e leigas da Instrução Cristã, certamente, vem da forma como as religiosas assumem o compromisso de “sacrificar-se e consagrar-se inteiramente à juventude”. O reconhecimento das diferentes vocações dentro do carisma deixado por Madre Agathe sinaliza um caminho de comunhão e uma fonte de vitalidade para o Instituto das Religiosas da Instrução Cristã. Mais que uma demanda institucional, a definição de um itinerário laical é resposta aos sinais dos tempos na Igreja e atenção ao Espírito de Deus, que hoje inspira novas formas de atualizar a Boa Nova de Jesus.

MEMBROS ASSOCIADOS

I – Membros Associados

Estas pessoas podem contrair laços profundos com o instituto comprometendo-se perante ela pelas promessas de pobreza e obediência. (Art. II – Membros Associados – Const. das Religiosas da Instrução Cristã)

Ir. Graça Maria – Coordenadora dos Leigos da Instrução Cristã 
(81) 9 9531-7156 – WhatsApp
irgracabarros@gmail.com